quinta-feira, 26 de fevereiro de 2015

Polícia Militar de Santa Catarina abre inscrições para concurso de soldado: são 658 vagas!

Até o dia 31 de março de 2015, estão abertas as inscrições para o Concurso Público para admissão no Curso de Formação de Soldado PM para ingresso no Quadro de Praças da Polícia Militar de Santa Catarina – PMSC (Edital 014/CESIEP/2015).



Estão sendo oferecidas 658 vagas, sendo 619 para candidatos do sexo masculino e 39 para candidatas femininas.



Os candidatos aprovados participarão do Curso de Formação de Soldado (CFSd), com duração aproximada de 08 (oito) meses. O
s vencimentos iniciam a partir do primeiro mês do Curso de Formação de Soldados, no cargo de Soldado PM 3ª Classe - NQ, no valor de R$ 4.143,87, ai incluídos o subsídio, a indenização de serviço ativo e o auxílio alimentação.



Dentre os requisitos exigidos, o candidato deve estar em dia com os deveres do serviço militar obrigatório; possuir altura não inferior a 1,65 metro (homem) e 1,60m (mulher); ter a idade mínima de 18 anos completos até a data da inclusão; não ter completado a idade máxima de 30 anos até o último dia de inscrição deste concurso; possuir carteira Nacional de Habilitação (CNH); e comprovar conclusão em curso de nível superior, em qualquer área de conhecimento, mediante apresentação de fotocópia autenticada de certidão de conclusão ou de diploma do curso de graduação superior correspondente, registrado no órgão competente. 


O valor da inscrição será de R$ 80,00.


Depois de formado, o Soldado PM 
será lotado em uma unidade da PM de sua escolha, respeitando a classificação final do Curso de Formação de Soldados, devendo permanecer por um período mínimo de 05 (cinco) anos na atividade operacional.



Para maiores informações e acesso ao edital completo, acesse www.pm.sc.gov.br e clique em “Concursos”.



POLÍCIA MILITAR DE SANTA CATARINA
Centro de Comunicação Social
Rua Visconde de Ouro Preto, 549 - Centro - Florianópolis - SC
CEP: 88020-040  Fone: (48)3229-6920 ccschefia@pm.sc.gov.br

POLÍCIA MILITAR DE SANTA CATARINA
SEGURANÇA: Por pessoas do BEM para o Bem das PESSOAS





Comissão de leilão inicia calendário com novidade


 A Comissão Estadual de Leilão (CEL) do Detran/SC se prepara para iniciar o ciclo de leilões de 2015. Estão previstas 28 edições, de março a novembro. A novidade para este ano é que os certames serão realizados na quarta-feira. O primeiro acontecerá dia 4, a partir das 9 horas, no Centro de Eventos Multiuso, em São José, onde serão leiloados 903 veículos, dentre circulares e sucatas.


No leilão de veículos e sucatas de veículos, removidos, apreendidos e retirados de circulação nos municípios de Florianópolis, São José, Palhoça e Biguaçu - SC, já notificados os respectivos proprietários, conforme artigo 4o da Lei nº 6.575 de 30 de setembro de 1978, serão oferecidos 265 veículos com direito à documentação e 638 sucatas. O evento tem como Leiloeiro Oficial o Sr. Lúcio Ubialli.


Inicialmente serão vendidos os lotes para circular, aqueles referentes aos veículos que têm direito à documentação, transferência e podem voltar às vias públicas. Na sequência serão leiloadas as sucatas de carros e motos, aquelas sem direito à documentação, que são entregues “baixadas”, para uso exclusivo de revendedores de peças, e que são vendidas somente para empresas, que atuam no ramo de veículos, cadastradas no dia do leilão.


O presidente da Comissão, Cel PM Edson Rui Castilho explica que a meta para este ano é atingir um maior número de municípios, partindo das 97 cidades beneficiadas com leilão em 2014, para 150, ultrapassando a marca de 50% do estado atendido.


“Temos uma equipe comprometida, com a engrenagem funcionando num ritmo acelerado. Queremos repetir o feito de 2014, que foi a conquista de um recorde histórico em arrecadação – R$ 23,2 milhões. A diferença é que este ano o foco é atender o maior número de pessoas em todas as regiões de Santa Catarina onde tem pátio legalizado. Também estamos iniciando as tratativas para a realização do leilão judicial”, frisou Castilho.


Os próximos serão realizados em Balneário Camboriú (11/3), Blumenau (18/3) e Joinville (25/3). As fotos dos veículos integrantes dos certames podem ser visualizadas no site do Detran/SC, www.detran.sc.gov.br, em Leilão – Projeção de Leilões.



Em 2014 foram realizados 34 leilões, atendendo 97 municípios, com a venda de 24.048 veículos, dentre 19.002 sucatas e 5.046 circuláveis, com uma arrecadação de R$ 23.237.004,68.  Já em 2013 foram 31 leilões, com a venda de 14.855 lotes, sendo 9.657 sucatas e 5.198 circuláveis, beneficiando 55 municípios, com uma arrecadação de R$ 17.199.879,10.

quarta-feira, 25 de fevereiro de 2015

Polícia Civil recebe três viaturas para a Delegacia de Homicídios

Florianópolis – A Delegacia de Homicídios, da Polícia Civil da Capital, será reforçada com três viaturas. Os veículos foram entregues pela Secretaria de Segurança Pública (SSP), na tarde desta terça-feira, 23, pelo Secretário Adjunto, Delegado Aldo Pinheiro D’Ávila; ao Titular da Delegacia de Homicídios (DH), Enio Mattos; na presença do Diretor de Polícia da Grande Florianópolis, Juarez de Souza Medeiros; o seu Adjunto, Delegado Verdi Furlanetto; entre outras autoridades.


Foram entregues – por meio do Convênio n.° 793649/2013, da SSP entre a Polícia Civil e a SENASP – três automóveis Nissan Livina, avaliados no total de R$ 180.279,00. D’Ávila destacou que este convênio entre Governo Federal e Estadual, que teve como gestora a Delegada Larizza Antunes dos Santos, culmina com a entrega dessas três viaturas, nesta solenidade prestigiada pelos policiais civis.


De acordo com o Diretor de Polícia da Grande Florianópolis, apesar de não haver problemas com viaturas na atual administração, veículos novos sempre são bem-vindos. “É um incentivo para os policiais, que vão desenvolver melhor os trabalhos. Além disto, a Blazer que estava com a Delegacia de Homicídios ficará à disposição desta diretoria para ser empregado em outra unidade policial que tenha maior necessidade”, destacou Medeiros.


“A melhoria da estrutura física da Delegacia de Homicídios refletir-se-á no melhor trabalho da nossa equipe e, consequentemente, na resolubilidade dos crimes e na sensação de segurança, com a presença de mais viaturas nas ruas”, ressaltou o titular da DH.



terça-feira, 24 de fevereiro de 2015

REUNIÃO ORDINÁRIA E ELEIÇÃO DO CONSESP EM BRASÍLIA

A LVII reunião ordinária do Colégio Nacional de Secretários de Segurança Pública (CONSESP) ocorrerá no dia 26 de fevereiro, em Brasília (DF). O encontro, coordenado pelo presidente interino, Secretário César Augusto Grubba (SSP/SC), terá como pauta a apresentação dos novos secretários ao Ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, e as eleições do novo presidente, que comandará o colegiado no biênio 2015/2016.

A reunião contará, também, com a participação da Secretária Nacional de Segurança Pública, Regina Miki, e dará seguimento aos debates sobre a estratégia integrada de segurança entre os estados e a forma de atuação do grupo, através do trabalho das câmaras temáticas.


O CONSESP criado em 2003, o Colégio Nacional de Secretários Estaduais de Segurança Pública é um órgão cuja finalidade é o assessoramento especial aos Secretários Estaduais de Segurança Pública no acompanhamento e avaliação da política das ações de segurança pública em todas as esferas governamentais.

Mais informações podem ser obtidas pelo e-mail consesp.br@gmail.com.
SERVIÇO: LVII reunião do Colégio Nacional dos Secretários de Segurança Pública – CONSESP.
26 de fevereiro, Brasília Esplanada dos Ministérios, Palácio da Justiça, Bloco T, Edifício Sede, Cep: 70064-900 Das 9h às 17h


segunda-feira, 23 de fevereiro de 2015

Governo do Estado fará concurso para seleção de 500 policiais militares

Florianópolis (23.02.2014) - O governador em exercício Eduardo Moreira autorizou nesta sexta-feira, 20, o lançamento de edital para a seleção, ainda nesse ano, de 500 policiais militares, com vencimento básico de R$ 3.879,99. O documento será publicado pela Secretaria de Segurança Pública no Diário Oficial na próxima semana e as inscrições deverão ser abertas no início do março. O Instituto Barriga Verde aplicará as provas em Florianópolis.


Diferente do processo seletivo anterior, que era regionalizado, as vagas serão preenchidas por ordem de classificação, informou o secretário da Segurança, César Grubba. Ele salientou que os candidatos precisarão ter, no mínimo, nível superior completo em qualquer curso. Também participaram da solenidade o comandante geral da Polícia Militar, coronel Paulo Hemm, e o subchefe da Casa Militar, coronel Rogério Zatariano.

quinta-feira, 19 de fevereiro de 2015

Operação Alegria da PM garantiu a segurança nas festas de Carnaval

Florianópolis, 18/02/15 - A Polícia Militar encerrou nesta manhã (18), a Operação Alegria, desencadeada em todo o Estado no último dia 13, com o objetivo de dar segurança e proteção aos cidadãos que participaram das festas de Carnaval, e também aquelas pessoas que preferiram o sossego e a tranquilidade do feriado. Foram empenhados nas ações mais de seis mil policiais militares, envolvendo todas as Unidades e modalidades de policiamento, visando dar ampla segurança a toda população e aos turistas que visitaram Santa Catarina.
   
Durante a operação, a PM atendeu 300 ocorrências. Os destaques foram as apreensões de drogas e metanfetaminas, ocorrências de perturbação do sossego alheio e vias de fato. A PM ainda apreendeu oito armas de fogo e oito armas brancas, efetuou 60 prisões em flagrante e lavrou 63 termos circunstanciados.
  
 Um dos destaques no trabalho policial foi a captura de um dos foragidos da Penitenciária da Capital, na segunda-feira (16). Por volta das 19h, em Campinas, São José, a guarnição do policiamento ostensivo empregada no evento de carnaval percebeu um individuo em atitude suspeita. O homem foi abordado, e ao consultar seu nome junto ao sistema de informações, os policiais constataram que se tratava de Rodrigo Alves, um dos foragidos da Penitenciaria de Florianópolis, que havia fugido do estabelecimento penal da capital durante a madrugada. Durante o mesmo evento, os policiais localizaram outro homem foragido da Justiça, Ezequias Emiliano, 24 anos, em seu desfavor havia mandado de prisão proveniente da Comarca de Itajaí.



Fotos Carnaval 120 tratada 1

  
  
Já em Laguna, no sábado, após uma tentativa de homicídio, a Polícia Militar apreendeu um adolescente de 16 anos com duas armas de fogo, um revólver calibre 38 com quatro munições deflagradas e uma intacta, e um revólver calibre 32 com uma munição intacta e duas deflagradas. O menor infrator confessou ter alvejado a vítima, um jovem de 24 anos, que foi conduzido por populares para o hospital, e não corre risco de morte.


Em Navegantes, no início da madruga de terça-feira, houve confronto entre policiais militares e foliões que passaram a depredar lojas e patrimônio públicos ao final da festa. Diante da atitude dos foliões, que além de causarem danos em placas de sinalização, telefones públicos, vidros de estabelecimentos comerciais e veículos, também investiram contra os policiais militares em serviço com pedras e garrafasHouve a necessidade da PM usar agentes químicos e munição menos letal para conter o tumulto.

  
Nesta madruga, em Joaçaba, a PM também teve que usar munição de elastômero, Taser e spray de pimenta para conter uma rixa envolvendo vários homens. O fato aconteceu nas proximidades da Ponte Emílio Baungarten, que liga o município a Herval D’ Oeste. Os grupos entraram em confronto e usaram pedras e pedaços de madeira, então houve a necessidade da intervenção policial, em razão da quebra da ordem pública.

  
A operação foi considerada tranquila no Estado, já que na grande maioria das cidades que realizaram festas de Carnaval, os eventos transcorreram com muita alegria e segurança. O Comando Geral destaca que o empenho e profissionalismo dos policiais militares da Corporação foram fundamentais para o resultado positivo. 

BOA: Ação Integrada por terra e ar resulta em salvamento no litoral

Uma vítima de parada cardiorrespiratória teve a vida mantida nesta terça-feira (17/02) na Praia de Palmas, em Governador Celso Ramos, graças a perfeita integração das equipes de socorro disponibilizadas através do Corpo de Bombeiros Militar de santa Catarina.


A ocorrência foi registrada por volta das 16h, no balneário do município localizado na circunscrição do 10º Batalhão BM, na Grande Florianópolis.  Pessoas que acompanhavam a vítima acionaram os guarda-vidas civis que trabalhavam na praia, os quais prestaram o socorro inicial enquanto aguardavam a chegada dos socorristas do quartel em Governador Celso Ramos.


A vítima, de 54 anos, recebeu então os procedimentos manuais de reanimação até a chegada da ambulância. Os socorristas militares assumiram o atendimento com o emprego do desfibrilador automático externo e a ventilação manual.Como tratava-se de um caso grave, optou-se rapidamente pelo acionamento do helicóptero Arcanjo 01, que poderia oferecer suporte avançado ao paciente e transportá-lo com agilidade e melhores condições de sobrevida ao centro médico.


Em 15 minutos após o acionamento inicial do socorro, a aeronave encontrava-se pousada na praia e sua guarnição – formada por equipe de bombeiros militares e enfermeiro e médico do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) - apoiava os socorristas que já estavam na cena.



IMG-20150218-WA0002 tratada 2



 Cerca de cinco minutos depois a vítima foi reanimada. Ela teve ainda outras quatro paradas cardiorrespiratórias na sequência, antes que as equipes conseguissem estabilizar o quadro e transportá-la na aeronave ao Instituto de Cardiologia do Hospital Regional de São José.


A ocorrência destacou-se entre as muitas atendidas pela Corporação no dia a dia como exemplo de comprometimento e envolvimento, com sucesso, de todos os elos da “cadeia de sobrevivência’ – protocolo de atendimento de suporte básico da vida sugerido pela American Heart Association, adotado mundialmente como padrão ideal de atendimento para estas situações.



A cadeia de sobrevivência é constituída por cinco elos:
1 – Reconhecimento imediato da parada cardíaca e o acionamento do serviço de urgência
2 – Reanimação cardiorrespiratória com ênfase nas compressões torácicas
3 – Rápida desfibrilação (uso do desfibrilador externo)
4 – Suporte avançado de vida (com apoio médico, especializado)
5 – Cuidados pós parada cardiorrespiratória



Créditos: Batalhão de Operações Aéreas (BOA)